Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Quanto Mais Quente Melhor

Doces com coração (e umas coisas salgadas pelo meio). Food porn descarado da cozinha (e das viagens) de uma jornalista doceira.

Salada caprese morna

As saladas como prato principal são coisa que me sabem sempre melhor no verão. Inverno é época que pede sopas a fumegar. Mas se me derem uma salada de sustento e, ainda por cima, morninha como esta, fico feliz.

 

A receita é do mais simples que há. É uma salada caprese a que se mistura massa acabada de fazer. Toca a experimentar já este fim de semana.

 

 

Ingredientes (para duas pessoas):

125 gr de massa seca (pevide ou bagos, geralmente usam-se em sopas mas ficam perfeitos aqui)

8 tomates cereja

10 bolinhas pequenas de mozzarela (Bocconcini, como se diz em Itália)

Um molhinho de manjericão fresco

1 dente de alho

2 colheres de sopa de azeite

Sal e pimenta q.b.

 

Comecem por colocar um tacho com água, uma boa quantidade de sal e um fio de azeite ao lume.

 

Enquanto a água não ferve, coloquem numa tigela os tomates cortados em quartos, as bolinhas partidas ao meio e o manjericão cortado em juliana (façam um rolinho com as folhas e piquem finamente com uma faca afiada). A isto, juntem o dente de alho picado muito fininho. O ideal será usar um esmagador de alho em vez de picar para que não restem pedaços grandes.

 

Por fim, temperem com sal e pimenta e juntem as duas colheres de azeite. Envolvam esta mistura com cuidado para que todos os sabores se misturem. Deixem-na a marinar enquanto tratam da massa.

 

Por esta altura, a água já deve estar a ferver. Coloquem a massa na água e deixem cozer até que fique "al dente" (deve demorar uns 7 minutos). Quando estiver pronta, escorram a massa e reservem até arrefecer um pouco. Deve estar morna mas já não fumegante.

 

Basta agora juntar a massa ao preparado de tomate, queijo e manjericão e envolver tudo. Se acharem que está muito seco podem colocar mais um fio de azeite. Voltem a testar o tempero e, caso necessário, adicionem mais sal.

 

Para comer à colherada no sofá da sala.

2 comentários

Comentar post